NOTÍCIAS

5 apresentações marcantes de Elvis Presley

por em 30/07/2015
Por Marcos Lauro Nesta quinta-feira (30/07), completam-se 61 anos da primeira apresentação profissional de Elvis Presley. Em 1954, ele tocava em Memphis sem ainda desconfiar de que seria chamado de Rei do Rock. Toda a carreira de Elvis foi baseada em discos e filmes. Os shows ocorreram apenas em território norte-americano – por motivos obscuros e diretamente ligados ao seu empresário, Colonel Tom Parker, Elvis nunca fez uma turnê mundial. Algumas biografias dão conta de que Parker era um imigrante ilegal e, caso saísse do país, teria dificuldade para voltar. Por isso, especula-se que Parker emendava gravações de filmes e discos para Elvis com o intuito de impossibilitar qualquer brecha na agenda para longas viagens. Mesmo assim, Elvis brilhou nos palcos norte-americanos e, claro, na TV. O cantor foi responsável por shows memoráveis e históricos. Veja 5 exemplos: Tupelo, 1956 – apenas dois anos depois da sua estreia, Elvis já era um fenômeno. A prova é esse vídeo, um dos primeiros registros dele ao vivo, em Tupelo, sua cidade natal. A histeria, especialmente por parte do público feminino, já é visível. E audível. Comeback Special, 1968 – a carreira de Elvis sentiu o peso da beatlemania e da chamada “invasão britânica” e entrou em declínio no meio da década de 1960. Vendendo cada vez menos e com menos público para seus filmes, Elvis fez um show ousado para a rede de TV NBC em 1968 – tão ousado que o patrocinador chegou a pedir a exclusão de uma das músicas do registro final. Live in Las Vegas, 1970 – Elvis fez diversas temporadas nos badalados cassinos de Las Vegas – ideia, claro, de seu empresário. Nesse show, o Rei do Pop se mostra diferente daquele moço bem penteado e sorridente de anos atrás. Um Elvis mais “adulto”, de cabelo desgrenhado e já um pouco acima do peso demonstra que as coisas andam diferentes. ALOHA from HAWAII, 1973 – esse show foi o mais próximo de uma turnê mundial que Elvis chegou. Histórico, foi o primeiro show de um artista solo a ser transmitido via satélite. Mais de 40 países da Europa e da Ásia receberam a apresentação em primeira mão no dia seguinte. Live in Omaha, 1977 – um dos últimos registros em vídeo de Elvis. O fim é triste: um Elvis cambaleante e visivelmente fora de si caminha pelo palco. A voz, pelo menos, continua impecável. Elvis morreria dois meses depois dessa apresentação.
  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Ar-Condicionado No 15
Wesley Safadão
Áudio indisponível
2
Regime Fechado
Simone & Simaria
3
Avisa Que Eu Cheguei (Part. Ivete Sangalo)
Naiara Azevedo
4
Na Conta Da Loucura
Bruno & Marrone
5
Amigo Taxista
Zé Neto & Cristiano
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

5 apresentações marcantes de Elvis Presley

por em 30/07/2015
Por Marcos Lauro Nesta quinta-feira (30/07), completam-se 61 anos da primeira apresentação profissional de Elvis Presley. Em 1954, ele tocava em Memphis sem ainda desconfiar de que seria chamado de Rei do Rock. Toda a carreira de Elvis foi baseada em discos e filmes. Os shows ocorreram apenas em território norte-americano – por motivos obscuros e diretamente ligados ao seu empresário, Colonel Tom Parker, Elvis nunca fez uma turnê mundial. Algumas biografias dão conta de que Parker era um imigrante ilegal e, caso saísse do país, teria dificuldade para voltar. Por isso, especula-se que Parker emendava gravações de filmes e discos para Elvis com o intuito de impossibilitar qualquer brecha na agenda para longas viagens. Mesmo assim, Elvis brilhou nos palcos norte-americanos e, claro, na TV. O cantor foi responsável por shows memoráveis e históricos. Veja 5 exemplos: Tupelo, 1956 – apenas dois anos depois da sua estreia, Elvis já era um fenômeno. A prova é esse vídeo, um dos primeiros registros dele ao vivo, em Tupelo, sua cidade natal. A histeria, especialmente por parte do público feminino, já é visível. E audível. Comeback Special, 1968 – a carreira de Elvis sentiu o peso da beatlemania e da chamada “invasão britânica” e entrou em declínio no meio da década de 1960. Vendendo cada vez menos e com menos público para seus filmes, Elvis fez um show ousado para a rede de TV NBC em 1968 – tão ousado que o patrocinador chegou a pedir a exclusão de uma das músicas do registro final. Live in Las Vegas, 1970 – Elvis fez diversas temporadas nos badalados cassinos de Las Vegas – ideia, claro, de seu empresário. Nesse show, o Rei do Pop se mostra diferente daquele moço bem penteado e sorridente de anos atrás. Um Elvis mais “adulto”, de cabelo desgrenhado e já um pouco acima do peso demonstra que as coisas andam diferentes. ALOHA from HAWAII, 1973 – esse show foi o mais próximo de uma turnê mundial que Elvis chegou. Histórico, foi o primeiro show de um artista solo a ser transmitido via satélite. Mais de 40 países da Europa e da Ásia receberam a apresentação em primeira mão no dia seguinte. Live in Omaha, 1977 – um dos últimos registros em vídeo de Elvis. O fim é triste: um Elvis cambaleante e visivelmente fora de si caminha pelo palco. A voz, pelo menos, continua impecável. Elvis morreria dois meses depois dessa apresentação.