NOTÍCIAS

Em entrevista, Lorde fala sobre o sucessor de Pure Heroine

por em 05/06/2014
Com “Tennis Court” começando a tocar nas principais rádios americanas e britânicas, a cantora Lorde concedeu uma entrevista à BBC, na qual falou sobre o seu tão aguardado novo disco, e revelou um pouco mais sobre futuras colaborações com artistas da música pop e, nem mesmo o namorado, escapou de pauta. Pure Heroine, lançado no ano passado, trouxe à estrela o reconhecimento crítico e popular. Lorde recebeu prêmios Grammy e BRIT Awards, além de vender mais de dois milhões de cópias do trabalho em todo o mundo. Mas, mesmo com hits como “Royals” e “Team”, a neozelandesa já adiantou que o próximo álbum será diferente: “Eu aprendi muito como compositora. Agora, eu estou trabalhando no início do novo disco, mas já posso dizer que é totalmente diferente do anterior. No primeiro, eu escrevi sobre o mundo que é o subúrbio onde eu cresci. Agora eu estou em um lugar diferente e cada dia eu conheço novas pessoas. É uma energia distinta”. Apesar dos rumores na internet de que a cantora não apoia artistas da música pop, não é o que parece. Há algumas semanas, Lorde confirmou que está compondo para algumas grandes estrelas e, agora, relatou que recebe constantes pedidos: “Eu tenho convites de pessoas querendo fazer algo comigo toda hora. É insano e divertido, eu realmente gostaria de colaborar com eles”. Sem citar nomes, completa como é o processo de escrever para uma outra pessoa: “Eu faço uma pesquisa, é como se eu olhasse para alguma roupa deles que eu realmente goste e escrevo como se eu estivesse usando aquela roupa”. Com apenas 17 anos, Lorde diz que possui o controle de sua carreira e que não permite ser tratada como um mero fantoche da indústria: “Eu tenha uma equipe incrível e eles são sempre muito diretos comigo e, com eles, eu digo: ‘É assim que vai ser’. Eu não aceito ser rebaixada”. Para finalizar a conversa com o canal britânico, a dona de “Bravado” falou sobre o lado ruim da fama, como os comentários negativos que rolaram na internet sobre o seu namorado: “Eu acho que esse tipo de coisa afeta mais as pessoas que escrevem do que eu. Elas dizem que nós somos um casal estranho, mas só porque eu sou branca e ele é chinês? Tudo isso é uma atitude muito estranha para mim”, finalizou.
  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Ar-Condicionado No 15
Wesley Safadão
Áudio indisponível
2
Regime Fechado
Simone & Simaria
3
Avisa Que Eu Cheguei (Part. Ivete Sangalo)
Naiara Azevedo
4
Na Conta Da Loucura
Bruno & Marrone
5
Amigo Taxista
Zé Neto & Cristiano
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Em entrevista, Lorde fala sobre o sucessor de Pure Heroine

por em 05/06/2014
Com “Tennis Court” começando a tocar nas principais rádios americanas e britânicas, a cantora Lorde concedeu uma entrevista à BBC, na qual falou sobre o seu tão aguardado novo disco, e revelou um pouco mais sobre futuras colaborações com artistas da música pop e, nem mesmo o namorado, escapou de pauta. Pure Heroine, lançado no ano passado, trouxe à estrela o reconhecimento crítico e popular. Lorde recebeu prêmios Grammy e BRIT Awards, além de vender mais de dois milhões de cópias do trabalho em todo o mundo. Mas, mesmo com hits como “Royals” e “Team”, a neozelandesa já adiantou que o próximo álbum será diferente: “Eu aprendi muito como compositora. Agora, eu estou trabalhando no início do novo disco, mas já posso dizer que é totalmente diferente do anterior. No primeiro, eu escrevi sobre o mundo que é o subúrbio onde eu cresci. Agora eu estou em um lugar diferente e cada dia eu conheço novas pessoas. É uma energia distinta”. Apesar dos rumores na internet de que a cantora não apoia artistas da música pop, não é o que parece. Há algumas semanas, Lorde confirmou que está compondo para algumas grandes estrelas e, agora, relatou que recebe constantes pedidos: “Eu tenho convites de pessoas querendo fazer algo comigo toda hora. É insano e divertido, eu realmente gostaria de colaborar com eles”. Sem citar nomes, completa como é o processo de escrever para uma outra pessoa: “Eu faço uma pesquisa, é como se eu olhasse para alguma roupa deles que eu realmente goste e escrevo como se eu estivesse usando aquela roupa”. Com apenas 17 anos, Lorde diz que possui o controle de sua carreira e que não permite ser tratada como um mero fantoche da indústria: “Eu tenha uma equipe incrível e eles são sempre muito diretos comigo e, com eles, eu digo: ‘É assim que vai ser’. Eu não aceito ser rebaixada”. Para finalizar a conversa com o canal britânico, a dona de “Bravado” falou sobre o lado ruim da fama, como os comentários negativos que rolaram na internet sobre o seu namorado: “Eu acho que esse tipo de coisa afeta mais as pessoas que escrevem do que eu. Elas dizem que nós somos um casal estranho, mas só porque eu sou branca e ele é chinês? Tudo isso é uma atitude muito estranha para mim”, finalizou.