NOTÍCIAS

Ivete Sangalo lança primeiro trabalho acústico; veja trecho exclusivo

A cantora baiana promete te fazer repensar o conceito de acústico

por Rebecca Silva em 28/07/2016

A cantora Ivete Sangalo foi construindo sua carreira e subindo os degraus para o sucesso em frente aos nossos olhos. Desde que apareceu para o Brasil na Banda Eva, cada uma de suas conquistas foram acompanhadas pelo público. Some a isso uma grande dose de espontaneidade e simpatia e temos a receita perfeita para uma das maiores artistas brasileiras da atualidade.

A elétrica baiana que não para nunca já fez de tudo um pouco. E aos 44 anos, seu currículo é extenso. Depois de lotar estádios (e registrar o feito, como no DVD gravado no Maracanã) e de levar o nome do Brasil para o exterior (lotando também o Madison Square Garden, em Nova York, Estados Unidos), Ivete resolveu tirar o pé do acelerador e lançar o seu primeiro trabalho acústico. Veja trecho exclusivo abaixo, cedido para a Billboard Brasil, com a música “Zero A Dez”, com Luan Santana:

 

Mas não pense que por se tratar de um registro diferente o projeto tenha perdido a cara da cantora. Alguns instrumentos foram modificados, muita percussão foi adicionada, mas Ivete continua tão arteira quanto em seus trabalhos anteriores. Durante a coletiva de imprensa do novo trabalho, na tarde de quarta-feira (27/07) em São Paulo, a cantora falou orgulhosa do projeto. “O formato acústico não combina comigo. O coração pediu, as ideias convergiram e deu certo. A ideia veio de uma necessidade de nova sonoridade, de fazer diferente. É um acústico meu, é original, não se parece com nada. Não fico parada jamais. Trouxe a sonoridade acústica, não o visual”.

Gravado em dois dias no Teatro L’Occitane em Trancoso, na Bahia, o novo projeto traz mais composições próprias da cantora, além de participações especiais de Luan Santana, Vitin (Onze:20), Helinho (Ponto de Equilíbrio) e os participantes do programa The Voice Kids, do qual Ivete participou como mentora. “Pensei nas músicas do repertório, sempre lembrando dos meus fãs, e as escolhas de parcerias foram naturais. São pessoas que admiro. Meus filhos do programa, eu queria ter um registro com eles, para a carreira deles. É uma oportunidade fazer parte do sonho de uma criança”.

Das 25 músicas presentes no DVD, oito são inéditas e a cantora também faz homenagem aos artistas que admira, como Jorge Ben Jor (“Por Causa De Você, Menina”) e Max de Castro (“Candura”).  O repertório reflete a diversidade do trabalho de Ivete, mesclando momentos mais animados (junto a uma plateia que não para quieta um segundo também!) com músicas mais lentas, trazendo inclusive a cantora tocando violão.

Quanto ao futuro, Ivete é bem direta. “Eu gosto de cantar. Estaria cantando em qualquer lugar que fosse, mesmo dentro de casa, se não fosse artista. Jamais vou chegar a algum ponto da carreira que supra minha vontade de cantar. Onde tiver música boa e lugar para eu me exibir, estarei lá”.

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Ar-Condicionado No 15
Wesley Safadão
Áudio indisponível
2
Regime Fechado
Simone & Simaria
3
Avisa Que Eu Cheguei (Part. Ivete Sangalo)
Naiara Azevedo
4
Na Conta Da Loucura
Bruno & Marrone
5
Amigo Taxista
Zé Neto & Cristiano
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Ivete Sangalo lança primeiro trabalho acústico; veja trecho exclusivo

A cantora baiana promete te fazer repensar o conceito de acústico

por Rebecca Silva em 28/07/2016

A cantora Ivete Sangalo foi construindo sua carreira e subindo os degraus para o sucesso em frente aos nossos olhos. Desde que apareceu para o Brasil na Banda Eva, cada uma de suas conquistas foram acompanhadas pelo público. Some a isso uma grande dose de espontaneidade e simpatia e temos a receita perfeita para uma das maiores artistas brasileiras da atualidade.

A elétrica baiana que não para nunca já fez de tudo um pouco. E aos 44 anos, seu currículo é extenso. Depois de lotar estádios (e registrar o feito, como no DVD gravado no Maracanã) e de levar o nome do Brasil para o exterior (lotando também o Madison Square Garden, em Nova York, Estados Unidos), Ivete resolveu tirar o pé do acelerador e lançar o seu primeiro trabalho acústico. Veja trecho exclusivo abaixo, cedido para a Billboard Brasil, com a música “Zero A Dez”, com Luan Santana:

 

Mas não pense que por se tratar de um registro diferente o projeto tenha perdido a cara da cantora. Alguns instrumentos foram modificados, muita percussão foi adicionada, mas Ivete continua tão arteira quanto em seus trabalhos anteriores. Durante a coletiva de imprensa do novo trabalho, na tarde de quarta-feira (27/07) em São Paulo, a cantora falou orgulhosa do projeto. “O formato acústico não combina comigo. O coração pediu, as ideias convergiram e deu certo. A ideia veio de uma necessidade de nova sonoridade, de fazer diferente. É um acústico meu, é original, não se parece com nada. Não fico parada jamais. Trouxe a sonoridade acústica, não o visual”.

Gravado em dois dias no Teatro L’Occitane em Trancoso, na Bahia, o novo projeto traz mais composições próprias da cantora, além de participações especiais de Luan Santana, Vitin (Onze:20), Helinho (Ponto de Equilíbrio) e os participantes do programa The Voice Kids, do qual Ivete participou como mentora. “Pensei nas músicas do repertório, sempre lembrando dos meus fãs, e as escolhas de parcerias foram naturais. São pessoas que admiro. Meus filhos do programa, eu queria ter um registro com eles, para a carreira deles. É uma oportunidade fazer parte do sonho de uma criança”.

Das 25 músicas presentes no DVD, oito são inéditas e a cantora também faz homenagem aos artistas que admira, como Jorge Ben Jor (“Por Causa De Você, Menina”) e Max de Castro (“Candura”).  O repertório reflete a diversidade do trabalho de Ivete, mesclando momentos mais animados (junto a uma plateia que não para quieta um segundo também!) com músicas mais lentas, trazendo inclusive a cantora tocando violão.

Quanto ao futuro, Ivete é bem direta. “Eu gosto de cantar. Estaria cantando em qualquer lugar que fosse, mesmo dentro de casa, se não fosse artista. Jamais vou chegar a algum ponto da carreira que supra minha vontade de cantar. Onde tiver música boa e lugar para eu me exibir, estarei lá”.