NOTÍCIAS

Katy Perry x freiras: round 3

por em 21/07/2015

As complicações acerca da oferta de Katy Perry para comprar um convento em Los Feliz, na Califórnia, parecem não ter fim. As Irmãs Rita Callahan e Catherine Rose Holzman, da Irmandade do Santíssimo e Imaculado Coração, afirmam que o direito de vender o imóvel é delas e não da Arquidiocese de Los Angeles.

O convento estava desocupado desde que a entidade realocou as últimas cinco freiras residentes, em 2011, e entrou, então, em negociações com a cantora pop. A disputa pelo valioso terreno do convento, que tem mais de três hectares e vista para as montanhas de São Gabriel, parece não ter fim. Freiras tentam fazer Katy Perry desistir de comprar ex-convento “A Arquidiocese Católica Romana de Los Angeles tem estado em conversações com Katy Perry, que ouviu falar desta propriedade há três anos. Ela aceitou pagar US$ 14,5 milhões em dinheiro vivo”, divulgou o site da CBS. A instituição religiosa tem a intenção de vender o convento a Katy Perry, enquanto as freiras não querem que a propriedade vá para a cantora por "razões que deveriam ser óbvias vindas de irmãs católicas". Por isso, Catherine Rose, de 86 anos, e Rita Callanan, de 77 anos, tentam impedir a negociação. “Eu encontrei Katy Perry e assisti aos seus vídeos… E, se me permite dizer, não fiquei nada satisfeita com o que vi”, garantiu a irmã caçula ao jornal New York Times. Katy Perry briga com freiras para comprar um ex-convento Para complicar ainda mais a situação, as freiras venderam a propriedade à restaurateur Dana Hollister – que já havia até se mudado para o local –, pois alegam serem as verdadeiras proprietárias do terreno.

Mas, agora, a briga está ganhando contornos pessoais. De acordo com documentos legais entregues na sexta-feira (17/07) e obtidos pelo New York Times, as irmãs afirmam que a venda do convento à estrela do pop as forçaria a "violar [seus] votos à Igreja Católica".

“Infelizmente, a Arquidiocese teve de tomar uma ação civil para proteger a venda não autorizada da Sra. Hollister”, respondeu a entidade em um comunicado após contestar a negociação feita pelas freiras.

O caso está agora nas mãos do juiz Robert H. O’Brien, do Supremo Tribunal do Condado de Los Angeles. O’Brien terá que decidir quem tem o direito de vender a propriedade, mas alguns detalhes no caso e os conflitos entre a lei civil e a lei canônica dificultam o veredicto. As freiras alegam que a Arquidiocese mentiu repetidamente e tentou persuadi-las da venda para Katy Perry.

  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Ar-Condicionado No 15
Wesley Safadão
Áudio indisponível
2
Regime Fechado
Simone & Simaria
3
Avisa Que Eu Cheguei (Part. Ivete Sangalo)
Naiara Azevedo
4
Na Conta Da Loucura
Bruno & Marrone
5
Amigo Taxista
Zé Neto & Cristiano
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Katy Perry x freiras: round 3

por em 21/07/2015

As complicações acerca da oferta de Katy Perry para comprar um convento em Los Feliz, na Califórnia, parecem não ter fim. As Irmãs Rita Callahan e Catherine Rose Holzman, da Irmandade do Santíssimo e Imaculado Coração, afirmam que o direito de vender o imóvel é delas e não da Arquidiocese de Los Angeles.

O convento estava desocupado desde que a entidade realocou as últimas cinco freiras residentes, em 2011, e entrou, então, em negociações com a cantora pop. A disputa pelo valioso terreno do convento, que tem mais de três hectares e vista para as montanhas de São Gabriel, parece não ter fim. Freiras tentam fazer Katy Perry desistir de comprar ex-convento “A Arquidiocese Católica Romana de Los Angeles tem estado em conversações com Katy Perry, que ouviu falar desta propriedade há três anos. Ela aceitou pagar US$ 14,5 milhões em dinheiro vivo”, divulgou o site da CBS. A instituição religiosa tem a intenção de vender o convento a Katy Perry, enquanto as freiras não querem que a propriedade vá para a cantora por "razões que deveriam ser óbvias vindas de irmãs católicas". Por isso, Catherine Rose, de 86 anos, e Rita Callanan, de 77 anos, tentam impedir a negociação. “Eu encontrei Katy Perry e assisti aos seus vídeos… E, se me permite dizer, não fiquei nada satisfeita com o que vi”, garantiu a irmã caçula ao jornal New York Times. Katy Perry briga com freiras para comprar um ex-convento Para complicar ainda mais a situação, as freiras venderam a propriedade à restaurateur Dana Hollister – que já havia até se mudado para o local –, pois alegam serem as verdadeiras proprietárias do terreno.

Mas, agora, a briga está ganhando contornos pessoais. De acordo com documentos legais entregues na sexta-feira (17/07) e obtidos pelo New York Times, as irmãs afirmam que a venda do convento à estrela do pop as forçaria a "violar [seus] votos à Igreja Católica".

“Infelizmente, a Arquidiocese teve de tomar uma ação civil para proteger a venda não autorizada da Sra. Hollister”, respondeu a entidade em um comunicado após contestar a negociação feita pelas freiras.

O caso está agora nas mãos do juiz Robert H. O’Brien, do Supremo Tribunal do Condado de Los Angeles. O’Brien terá que decidir quem tem o direito de vender a propriedade, mas alguns detalhes no caso e os conflitos entre a lei civil e a lei canônica dificultam o veredicto. As freiras alegam que a Arquidiocese mentiu repetidamente e tentou persuadi-las da venda para Katy Perry.