NOTÍCIAS

Veja o colapso de Suge Knight no tribunal

por em 21/03/2015

O ex-magnata do rap Marion “Suge” Knight teve um colapso no tribunal na última sexta-feira (20/03), depois que o juiz determinou uma fiança de US$ 25 milhões no caso de assassinato do qual é réu. A audiência foi cancelada, os paramédicos chegaram com uma maca e uma ambulância foi vista saindo do prédio.

O advogado de defesa, Matthew Fletcher, disse que Knight, ao cair, bateu a cabeça em uma cadeira e estava inconsciente quando deixou o tribunal. O réu, que é diabético e tem um coágulo no sangue, se queixou ao defensor mais cedo de que não teria recebido nenhum tipo de medicação desde a quinta-feira. O desmaio aconteceu logo depois que os agentes trouxeram Knight de volta à sala de audiência, após um pedido do advogado para que o juiz ordenasse que os remédios fossem administrados. “Ele está sendo tratado pior do que Charles Manson”, disse Fletcher, fazendo referência ao criador de uma seita nos Estados Unidos responsável pela morte de nove pessoas no final dos anos 1960.

Esta é a quarta vez que Knight precisa de uma ambulância em um tribunal desde que foi acusado de matar Terry Carter, de 55 anos, no início de fevereiro. O acidente ocorreu no final de janeiro, quando o produtor e empresário da música dirigia seu caminhão e atropelou duas pessoas. Uma delas morreu e a outra ficou ferida. Pra piorar a situação, Knight estava sob fiança num caso de assalto quando atingiu as duas vítimas.

Suge Knight, 49 anos, co-fundador da Death Row Records, declarou-se inocente das acusações de assassinato, tentativa de assassinato e atropelamento seguido de fuga.

A procuradora Cynthia Barnes apresentou uma moção na última quinta-feira (19/03) acusando Knight de fazer parte de um esquema que extorquiu mais de US$ 10 milhões de aspirantes a rappers e músicos do gênero já consolidados nos últimos anos. O advogado de defesa exigiu que provas fossem apresentadas para corroborar a acusação. Sobre o atropelamento, Fletcher alega que seu cliente foi atraído para o local do acidente e, uma vez lá, foi atacado pelos dois homens enquanto tentava fugir do local.

Assista ao momento do desmaio de Knight no tribunal: https://www.youtube.com/watch?v=B_NttEB0mFg
  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Ar-Condicionado No 15
Wesley Safadão
Áudio indisponível
2
Regime Fechado
Simone & Simaria
3
Avisa Que Eu Cheguei (Part. Ivete Sangalo)
Naiara Azevedo
4
Na Conta Da Loucura
Bruno & Marrone
5
Amigo Taxista
Zé Neto & Cristiano
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Veja o colapso de Suge Knight no tribunal

por em 21/03/2015

O ex-magnata do rap Marion “Suge” Knight teve um colapso no tribunal na última sexta-feira (20/03), depois que o juiz determinou uma fiança de US$ 25 milhões no caso de assassinato do qual é réu. A audiência foi cancelada, os paramédicos chegaram com uma maca e uma ambulância foi vista saindo do prédio.

O advogado de defesa, Matthew Fletcher, disse que Knight, ao cair, bateu a cabeça em uma cadeira e estava inconsciente quando deixou o tribunal. O réu, que é diabético e tem um coágulo no sangue, se queixou ao defensor mais cedo de que não teria recebido nenhum tipo de medicação desde a quinta-feira. O desmaio aconteceu logo depois que os agentes trouxeram Knight de volta à sala de audiência, após um pedido do advogado para que o juiz ordenasse que os remédios fossem administrados. “Ele está sendo tratado pior do que Charles Manson”, disse Fletcher, fazendo referência ao criador de uma seita nos Estados Unidos responsável pela morte de nove pessoas no final dos anos 1960.

Esta é a quarta vez que Knight precisa de uma ambulância em um tribunal desde que foi acusado de matar Terry Carter, de 55 anos, no início de fevereiro. O acidente ocorreu no final de janeiro, quando o produtor e empresário da música dirigia seu caminhão e atropelou duas pessoas. Uma delas morreu e a outra ficou ferida. Pra piorar a situação, Knight estava sob fiança num caso de assalto quando atingiu as duas vítimas.

Suge Knight, 49 anos, co-fundador da Death Row Records, declarou-se inocente das acusações de assassinato, tentativa de assassinato e atropelamento seguido de fuga.

A procuradora Cynthia Barnes apresentou uma moção na última quinta-feira (19/03) acusando Knight de fazer parte de um esquema que extorquiu mais de US$ 10 milhões de aspirantes a rappers e músicos do gênero já consolidados nos últimos anos. O advogado de defesa exigiu que provas fossem apresentadas para corroborar a acusação. Sobre o atropelamento, Fletcher alega que seu cliente foi atraído para o local do acidente e, uma vez lá, foi atacado pelos dois homens enquanto tentava fugir do local.

Assista ao momento do desmaio de Knight no tribunal: https://www.youtube.com/watch?v=B_NttEB0mFg