NOTÍCIAS

Yoko Ono junta duas mil pessoas para celebrar a paz – e Lennon

por em 07/10/2015
Milhares de pessoas se juntaram a Yoko Ono no Central Park, em Nova York, nesta terça-feira (06/10), para tentar estabelecer o recorde mundial do maior grupo de pessoas a formar o símbolo da paz. O ato foi feito em homenagem a John Lennon, que completaria 75 anos no próximo dia 09. A tentativa, no entanto, não foi concluída com êxito. Um representante do Guinness Book of Records disse que mais de 2 mil pessoas compareceram ao parque. Pelo menos 5 mil pessoas eram necessárias para a quebra do recorde. d21e3271 (1) Com o recorde alcançado ou não, o motivo principal do evento era celebrar a paz e homenagear o músico, morto a tiros em 1980, que lutou pela causa por anos. Mais de três décadas depois do assassinato de seu marido, Yoko, de 82 anos, resumiu o evento usando os versos da composição “Imagine”, de Lennon: “Imagine todas as pessoas vivendo a vida em paz”.
  • HOT 100
    BRASIL
  • BILLBOARD
    200
  • HOT 100
    EUA
1
Ar-Condicionado No 15
Wesley Safadão
Áudio indisponível
2
Regime Fechado
Simone & Simaria
3
Avisa Que Eu Cheguei (Part. Ivete Sangalo)
Naiara Azevedo
4
Na Conta Da Loucura
Bruno & Marrone
5
Amigo Taxista
Zé Neto & Cristiano
RANKING COMPLETO
NOTÍCIAS

Yoko Ono junta duas mil pessoas para celebrar a paz – e Lennon

por em 07/10/2015
Milhares de pessoas se juntaram a Yoko Ono no Central Park, em Nova York, nesta terça-feira (06/10), para tentar estabelecer o recorde mundial do maior grupo de pessoas a formar o símbolo da paz. O ato foi feito em homenagem a John Lennon, que completaria 75 anos no próximo dia 09. A tentativa, no entanto, não foi concluída com êxito. Um representante do Guinness Book of Records disse que mais de 2 mil pessoas compareceram ao parque. Pelo menos 5 mil pessoas eram necessárias para a quebra do recorde. d21e3271 (1) Com o recorde alcançado ou não, o motivo principal do evento era celebrar a paz e homenagear o músico, morto a tiros em 1980, que lutou pela causa por anos. Mais de três décadas depois do assassinato de seu marido, Yoko, de 82 anos, resumiu o evento usando os versos da composição “Imagine”, de Lennon: “Imagine todas as pessoas vivendo a vida em paz”.